IMAGENS | Mãe Luíza tem tiroteio antes da passagem de comitiva de Mourão

A bandidagem não é besta nem nada.

Minutos antes das comitivas oficiais deixarem o Centro de Convenções e passarem pela Via Costeira, Mãe Luiza registrou tiroteio.

No dia em que o presidente interino anunciou seu apoio pessoal para projeto de segurança.

Conversamos com um dos motoristas que está na extensa comitiva de empresários e representantes oficiais do poder público.

Ele informou que as cenas abaixo se deram aproximadamente 20 minutos antes da passagem das comitivas pela orla das praias da zona Leste, ou seja, passando bem em frente à Mãe Luiza.

 

 

Nomes de peso da Lava Jato vem a Natal para evento sobre pacote anticrime de Moro

O Pacote Anticrime do ministro Sérgio Moro será o tema central do principal evento jurídico realizado em Natal no segundo semestre de 2019.

Confirmados estão o advogado Antônio Carlos de Almeida Castro (BSB), o Kakay, com 17 clientes na Lava Jato, e a procuradora Thaméa Danelon (SP), ex-coordenadora da Operação.

O debate promete ainda com José Eduardo Cardozo, ex-Ministro da Justiça e ex-advogado-geral da União do Brasil.

O evento será dia 27 de setembro, na Arena das Dunas.

Para onde vão os R$ 80 milhões que Mourão garantiu para a segurança do RN

O presidente interino, Hamilton Mourão, se convenceu da necessidade de o Rio Grande do Norte receber R$ 80 milhões conveniados com o Ministério da Justiça para a segurança do Estado, e se comprometeu a trabalhar para destravar os recursos, que serão empregados da seguinte forma:

  1. Polícia Militar, R$ 29.977.330,89: Aquisição de viaturas, armas, máquina de recarga de munição e equipamentos de proteção individual;
  2. Centro de Inteligência, R$ 2.877.717,48: modernização do equipamento de monitoramento da Sesed;
  3. Corpo de Bombeiros, R$ 6.110.615,00: Aquisição de viaturas de combate a incêndio, resgate e salvamento;
  4. Ciosp, R$ 1.928.105,28: Ampliação da área de cobertura do sistema de radiocomunicação através da aquisição de software e torres autoportantes;
  5. Polícia Civil, R$ R$ 12.209.780,77: Aquisição de viaturas, armamento e equipamentos táticos operacionais e solução de tecnologia;
  6. Centro Integrado de Comando da Sesed, R$ 5.092.927,38: Atualização do data center, da infraestrutura, e aquisição de materiais de informática;
  7. Helicóptero, R$ 21.777.286,93: para modernizar o Centro Integrado de Operações Aéreas – CIOPAER, da Segurança Pública e de Defesa Civil.
  8. Capacitação, R$ 297.100, 00: para treinamento da Polícia Militar.

TOTAL: R$ 80.270.863,73

Fátima e Eduardo Bolsonaro, separados por dois presidentes

Na plateia do evento da CNI em Natal, a governadora Fátima Bezerra, do PT, e o deputado federal e candidato a embaixador em Washington, Eduardo Bolsonaro, do PSL, ficaram separados por dois presidentes.

Hamilton Mourão, interino da República, e Robson Braga, da CNI.

É uma imagem que harmoniza em tudo com a realidade. Mourão tem no diálogo uma de suas principais característica. 

Já Robson Braga é da CNI que pende para onde está o poder.

 

Fátima se emociona e chora para Mourão

Entre projetos e conversas amenas, a governadora Fátima Bezerra, à dada altura da passagem pela Escola de Governo do presidente interino, Hamilton Mourão, se emocionou e chorou.

O momento ocorreu quando ela narrava em que condições assumiu o governo, explicando as dificuldades que vêm tendo para pagar as folhas de salários atrasadas.

Sem clima de antagonismos, os dois saíram juntos no mesmo carro da Escola de Governo.

As pessoas pararam para ver Ludmilla comer Luana Piovani de garfo e faca e pedir vento para o periquito

Vai ficar em Mossoró, sim: STF nega transferência a acusado de matar Marielle

A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou um pedido da defesa de Ronnie Lessa, acusado de matar a vereadora Marielle Franco e o motorista Anderson Gomes, para que seja transferido para um presídio no Rio de Janeiro.

Lessa está preso na penitenciária federal de Mossoró, no Rio Grande do Norte.

No pedido, a defesa alegou que a transferência para Mossoró foi uma medida extrema e desnecessária e que não ficou comprovado que o presídio de Bangu I seria insuficiente para mantê-lo preso.

Ainda de acordo com a defesa, o fato de Lessa, um policial militar reformado, ainda ter vínculos de amizade com policiais da ativa não pode servir como fundamento para sua manutenção em Mossoró.

Estes bilhetes que certa fulana deixou para sua empregada doméstica são de dar nojo

No futuro, será com muito constrangimento que precisaremos explicar às gerações vindouras como esse tipo de coisa acontecia tanto tempo depois de eventos como a libertação da escravatura, em plena democracia. Eu destaquei em galeria à parte a coisa sórdida após o tuíte abaixo.

‘Miserê’ de verdade no RN

Os R$ 24 mil de salário taxados de miserê pelo procurador Leonardo Azeredo, em Minas Gerais, estão muito longe da realidade da maioria dos brasileiros.

Pesquisa da Catho deste ano indica nosso Rio Grande do Norte com a pior média salarial do Brasil.

O levantamento revelou que a média salarial do brasileiro é de 2.340,00 reais e há variações regionais.

No Sudeste, 1º no ranking, é de 2.541,90 e no Nordeste, último colocado, de 1.920,35.

Com disparidades estaduais. No estado de São Paulo, primeiro na posição, é de 2.760,64 e no Rio Grande do Norte, último colocado, de 1.733, 02.

A nota do PSD sobre Ney pai e Ney Jr.

Nota do PSD

A direção estadual do Partido Social Democrático (PSD) foi surpreendida nesse sábado com a publicação de um comentário infeliz e equivocado do pai do vereador Ney Lopes Júnior, a quem o partido jamais impediu que fosse efetivada sua desfiliação. Da mesma forma que o PSD garantiu legenda ao deputado estadual Jacó Jácome, candidato a reeleição em 2018, quando seu pai foi candidato a senador na chapa adversária.

É premissa do PSD, Sr. Ney Lopes, que todos os seus filiados sintam-se parte do direcionamento político nacional, bem como a nível de Estado do Rio Grande do Norte. É com políticos honrados, leais e engajados que o PSD constrói sua história e é hoje uma das maiores legendas do Brasil. Jamais seria negado ao seu filho, vereador de Natal, a desfiliação partidária.

Ao contrário do que o senhor afirma, o presidente estadual do partido, Robinson Faria, em momento algum declarou apoio ou defendeu publicamente qualquer candidato a vereador de Natal nas eleições de 2016. Assim como o deputado Fábio Faria, que não participou de nenhum evento político dos candidatos citados e não interveio na nominata do partido.

Para conhecimento, foi o vereador eleito Ney Lopes Júnior quem telefonou a Robinson Faria e Fábio Faria, quando do resultado das eleições, afirmando, sem que lhe fosse perguntado, que seria voz firme na oposição ao então prefeito Carlos Eduardo Alves. Um mês depois, rompeu com o governador e assumiu a liderança do prefeito na Câmara Municipal de Natal.

Esta é a verdade.
Esta foi a ruptura inesperada e injustificada que, de fato, ocorreu.

Ademais, entristece que o pai e orientador de um ex-filiado, por desconhecimento dos fatos, venha publicar inverdades sobre quem jamais desrespeitaria o PSD, ao manter vinculado aquele que, há anos, se posiciona contrário à legenda.

Diretório Estadual do PSD/RN

Fogo no parquinho: PSD escancara falsidade de Ney Lopes Jr em nota pública

Em nota neste domingo, o PSD veio a público dar sua versão da treta com o vereador Ney Lopes Jr., de saída do partido.

A nota vai historiando o que aconteceu, até que…

Vou até transcrever:

Para conhecimento, foi o vereador eleito Ney Lopes Júnior quem telefonou a Robinson Faria e Fábio Faria, quando do resultado das eleições, afirmando, sem que lhe fosse perguntado, que seria voz firme na oposição ao então prefeito Carlos Eduardo Alves. Um mês depois, rompeu com o governador e assumiu a liderança do prefeito na Câmara Municipal de Natal

A íntegra está aqui.

A eleição para desembargador será cancelada? O que pode acontecer agora? O Dina responde

Se suspender de vez a formação de lista tríplice, o Conselho Nacional de Justiça  precisará definir o que deve ser feito para que haja um novo desembargador no TRT-RN.

Mas o que exatamente significa? A eleição está cancelada?

Não exatamente.

O CNJ agora julgará o mérito do caso. E mérito pede que o voto do desembargador Bento Herculano seja anulado por impedimento.

Bento votou na advogado Marisa Almeida, sua ex-esposa.

VEJA TAMBÉM: Desembargadores do TRT se constrangem com briga por cadeira no Quinto Constitucional e costuram proteção

Se o voto de Bento for anulado, o autor de todo o processo, o advogado Eduardo Rocha, passa a integrar a lista no lugar de Marisa.

Pelo critério de antiguidade.

Seria uma decisão meio que inusitada, já que, em casos como esses, o CNJ não anula um voto em específico, mas manda refazer todo o processo, ou seja, nova eleição de lista tríplice no TRT.

CNJ a um voto de maioria para suspender de vez lista tríplice para novo desembargador do TRT-RN

O Conselho Nacional de Justiça já contabiliza sete votos, estando a um para formar maioria e suspendernem definitivo o processo de escolha do novo desembargador do TRT-RN.

Sete dos 15 conselheiros já se manifestaram.

Todos pela suspensão, o que mostra tendência a ser confirmada na segunda, quando novos votos serão contabilizados.

No processo, o advogado Eduardo Rocha pede a suspeição do presidente do TRT, Bento Herculano.

Janela LGBT para Fátima Bezerra

O Anuário Brasileiro de Segurança Pública mais recente tem muito material a ser explorado.

Como a seção sobre crimes de ódio.

Nosso Rio Grande do Norte aparece tracejado nas estatísticas.

Ou não temos crimes de ódio ou eles não são registrados pelas autoridades policiais.

Opção dois.

Em 2018, sete estados, incluindo o RN, deixaram de registrar crimes de injúria racial.

O cenário é ainda mais desolador quando se olha para homofobia.

Catorze estados fecham os olhos para a questão, incluindo, de novo, o RN.

A governadora Fátima Bezerra nunca fez de sua sexualidade um amplificador de luta.

Não há registros de que ela tenha convertido tão abertamente sua sexualidade em estandarte. Já ouvimos muito “Como professora, eu…”, “Na condição de mulher…”, e outras variantes.

Mas não se tem notícia de “Como LGBT, eu…”.

Ela deve ter suas razões.

Calada já inquieta a misoginia de covardes.

Imagine, então, se falasse.

É possível, no entanto, falar com atos.

E atos dizem mais que palavras.

Para além do que vem sendo gestado na subcoordenadoria de minorias, que tem projeto para que a polícia passe a monitorar essas estatísticas, a governadora tem a oportunidade de fazer mais.

Criar um delegacia para crimes de ódio no RN, por exemplo.

Há uma janela de oportunidade.

Dia de pedra para Kelps Lima

O deputado estadual Kelps Lima vive dia de pedra e utilizou suas redes para repercutir a crise aberta com a desautorização do prefeito Álvaro Dias sobre as mudanças na avenida Senador Salgado Filho.

Lima já esteve no lugar de Elequicina Santos, atual titular da pasta de trânsito.

Viveu seu momento de vidraça quando também enfrentou a ira de motoristas ao implantar o ‘Via Livre’, que causou especial alvoroço na Avenida Afonso Pena, suspendendo estacionamentos ao largo de canteiros centrais.

Também houve gritaria de condutores de veículos. Mas o projeto foi mantido durante a gestão da Borboleta.

Só quando Carlos Eduardo Alves retomou a prefeitura, desfez a suspensão implementada por Kelps.