Servidores saem de encontro com Fátima e anunciam que não aceitarão parcelamento dos salários atrasados

 

Apesar de elogiarem a iniciativa do governo em criar comitê de negociação coletiva, os servidores estaduais anunciaram que não aceitaram o parcelamento de seus salários.

“Temos uma preocupação quando um dos decretos traz negociação do passivo dos servidores, e não aceitamos o parcelamento”, anunciou Janiere Souto, que comanda o Sindicato dos Servidores da Administração Direta.

Segundo ela afirmou após o encontro com a governadora, a medida do parcelamento equivale a “iludir o servidor que está tudo bem” e que a situação “não resolve problema do servidor e pensionista”.

A classe de servidores cobra a redução no tempo entre um pagamento e outro dos salários e exige o pagamento, na ordem cronológica, dos vencimentos atrasados.

About author

dinarteassuncao

Comente: