E se os bairros de Natal fossem países?

Bolei uma adaptação de “E se os bairros do Rio fossem países” para nossa querida Natown.

Aí vai:

Areia Preta => Bélgica

É cercado por vizinhos ricos e poderosos mas ninguém dá muita importância.

Petropólis => França

Berço de quem influencia a cidade em economia, política e comportamento. Vangloria-se de sua tradição e não esconde o seu ar de superioridade.

Tirol => Alemanha

Poderosa locomotiva com centros empresariais. À noite o trecho da Afonso Pena que lhe corresponde em tudo lembra a famosa Avenida Unter den Linden, em Berlim.

Ponta Negra => Itália

Caótica, movimentada, barulhenta mas todo mundo continua querendo conhecer.

Via Costeira => Turquia 

É apenas um caminho de um lado para o outro do mundo. Ninguém consegue entender nada por causa de tanta indefinição.

Lagoa Seca, Barro Vermelho  => Polônia e República Tcheca  

Gravitam e tentam se beneficiar da fama e benefícios do país vizinho, a Alemanha.

Cidade Alta => Espanha e Holanda

Não cabe um só país para essa querida, tradicional e com traços de modernidade. Lugar favorito de toda sorte de gente que quer fumar um baseado sem ser incomodado na rua ou consumir prostituição numa boa. Eterno clima de festa sempre que os portões das lojas da Rio Branco começam a descer. 

Capim Macio => Estados Unidos

Dinheiro e poder. Idolatrado pelos novos ricos. Cafona, sem identidade. Depois que você sai da Avenida Roberto Freire, tudo fica longe e carro é fundamental. 

Conjunto Ponta Negra => Canadá

É rico, porém ninguém se importa. Vive na órbita do vizinho gigante e mais famoso.

Conjunto Alagamar => Irlanda

Pensa que está na orla e reproduziu ambientes de bares e restaurante da Itália (Ponta Negra). Assim como a Irlanda que acha que faz parte do Reino Unido e quer se comparar à Inglaterra.

Morro Branco => Rússia

Não possui mais a mesma a nobreza de outrora, mas ainda se acha uma potência. Transição entre zona pobre e zona rica.

Lagoa Nova => Brasil

Querido por todos e estratificada, mistura gente mais humilde, classe média e alta. Quer ser tudo e ao mesmo tempo não é nada. Ostenta a alegria de ser o coração da cidade.

Cidade Satélite => Argentina

Gostaria de ser o Brasil. Mas não é.

Alecrim => Índia

Caótico, superlotado, vaca na rua, mas dono de um valor cultural inestimável para a cidade.

Centro Histórico => México

Envolve a Ribeira inteira, parte de Cidade Alta e de Petrópolis. Importante centro regional, com tradição secular e um caos onde todos querem tirar alguma vantagem.

Rocas => Iraque

Já foi berço de príncipes e princesas. Aristocracia de Natal nascia nas Rocas. Hoje é uma Bagdá depois que foi abandonada pelo poder público.

Potengi => África do Sul

Orgulhosa de ser a “nobre” no meio de sua sofrida região.

Neópolis => China

Distante, gigante e super populosa, sonha em ser rica como os EUA (Capim Macio), mas ainda tem um pé no terceiro mundo.

Pitimbu=> Chile 

Riqueza emergente, mas é difícil achar alguém que queira morar lá.

Candelária => As duas Coreias

Riqueza e perigo se misturam nas ruas de Candelária. Só vá lá se for realmente necessário.

Mãe Luíza => Pápua Nova Guiné

Gente acolhedora, cadeira na calçada, um quê de natividade. O bairro produz as tribos de índio mais badaladas do Carnaval de Natal e tem um acesso a paradisíaco trecho da praia da Via Costeira para chamar só de seu.

Praia do Meio => Tailândia

Caos e beleza, escambo e camaradagem. Espetinhos de carne do dia anterior a cada 100 metros. Trans desfilam de biquini. 

Redinha => Angola

Povo ma-ra-vi-lho-so. Assim como na Angola, os nativos da Redinha estão sempres prontos. Se escutam um acorde musical, já irrompem com a coregrafia, como pode ser verificado todo domingo à tarde na Barraca do Japonês.

Igapó => Colômbia

É o primeiro bairro que vem à mente quando as palavras ‘Zona Norte’ são pronunciadas. Tal como a Colômbia é o derradeiro território antes da América Central, Igapó nos separa de São Gonçalo do Amarante. Ambiciona ser a África do Sul, a rica da região, mas jamais conseguirá porque o Partage Norte Shopping está no Potengi.

 

About author

dinarteassuncao

Comments(5)

  1. REPLY

    Simone Sueli Nobre da Silva says

    Interessante, Lagoa Nova é o centro literalmente da Cidade de Natal, fica Shopping e Midway MAL, próximo aos principais Hospitais e Clínicas e ao Lado da UFRN (Universidade Federal doRio Grande do Norte). Em um raio de 5 quilômetros tem Tudo, até a Praia de Ponta Negra, famoso Morro do Careca e onde fica a Arena das Dunas. Miro no Bairro de Lagoa Nova faz 22 anos, vim da Capital do Brasil. Amo NATAL, a “Noiva do Sol”. Tem a Energia Solar e Eólica também

  2. REPLY

    Alisson Santiago says

    Faltou Cidade da Esperança, Bom Pastor, Nossa Senhora de Nazaré, Felipe Camarão, Guarapes….

  3. REPLY

    Raimar Grafith says

    Faltou Mirassol

  4. REPLY

    Eliana Gamble says

    Paises que não estão no mapa, referenyes aos bairros de Felipe Camarão e Guarapes.

  5. REPLY

    Adriana Pinto says

    Faltou Extremoz.

Comente: