UFRN tem o 8º maior corte entre 106 instituições federais do Brasil

A UFRN sofreu o oitavo maior corte dentro de uma lista total de 106 instituições federais, com corte de R$ 49.064.313,00, ficando, inclusive, à frente de universidades maiores que ela, como a federal do Ceará (UFC), 12ª na lista.

Nesse ranking, o IFRN é o 26º, com corte de R$ 28.372.018,00.

Os números foram obtidos do Ministério da Educação através de pedido via Lei de Acesso à Informação da agência Fiquem Sabendo.

Os valores foram retirados do que se condira base discricionária, ou seja, a margem que os administradores da UFRN e do IFRN teriam para manter as instituições em funcionamento.

Na UFRN, essa margem era de R$ 163,5 milhões. No IFRN, de R$ 61,8 milhões.

About author

dinarteassuncao

Comente: