Iphan nega tombamento e destino do Hotel Reis Magos depende apenas de Fátima Bezerra

3 de setembro de 2019

O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) indeferiu o pedido de tombamento do Hotel Reis Magos, em Natal.

A informação foi antecipada por Rafael Barbosa, no G1RN.

O Blog do Dina contou os detalhes dessa história, ou seja, a tentativa de fazer com o que o Iphan mudasse a opinião de 2017 – quando negou tombar o equipamento.

A autarquia avaliou que o hotel não apresenta “elementos significativos” com valor patrimonial em âmbito federal, embora seja um “elemento importante” para a compreensão da evolução urbana da capital potiguar, conta o G1.

Com isso, a destinação do hotel está nas mãos da governadora Fátima Bezerra, já que o equipamento está provisoriamente protegido por tombamento decretado em fevereiro de 2014, na gestão Rosalba Ciarlini.

A governadora precisará decidir se converte em definitivo o tombamento ou se o retira. O Conselho Estadual de Cultura produziu parecer opinando pelo não tombamento.

Comentários 0


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *