Contas públicas têm rombo recorde de R$ 417 bilhões no semestre

30 de julho de 2020

A pandemia do novo coronavírus levou as contas do governo federal a registrarem um rombo recorde de R$ 417 bilhões no primeiro semestre deste ano. O resultado, divulgado nesta quinta-feira (30) pelo Tesouro Nacional, é o pior para o período da série histórica iniciada há 23 anos.

O déficit fiscal observado nos primeiros seis meses de 2020 já supera com folga a somatória de todos os rombos registados em 2017, 2018 e 2019.

O dado negativo foi impulsionado pelo resultado de junho, que registrou déficit de R$ 194,7 bilhões. No ano passado, o resultado para o mesmo período foi negativo em R$ 11,8 bilhões.

Folha de S. Paulo

Comentários 0


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *