fbpx


A chuva preta que cai no Brasil

18 de setembro de 2020

A Defesa Civil estadual confirmou que municípios do Oeste, Meio-Oeste e Planalto Norte de Santa Catarina tiveram registro de chuva contaminada por causa de partículas de fumaça provenientes dos incêndios no Pantanal. A ‘chuva escura’ ocorreu na quinta-feira (17). Os locais exatos não foram detalhados.

Essa chuva também foi registrada no estado vizinho do Rio Grande do Sul no início desta semana e pode ocorrer em São Paulo, onde a fumaça decorrente dos incêndios na região do Pantanal foi percebida nesta sexta-feira (18).

Segundo a Defesa Civil de Santa Catarina, a fumaça diminui a qualidade do ar e da água da chuva coletada. Por isso, o órgão estadual fez recomendações aos catarinenses que possuem cisternas, comuns principalmente em propriedades rurais, entre elas a limpeza constante dos locais de armazenamento e a análise da água.

“A água da chuva contaminada pode conter compostos tóxicos, portanto alguns cuidados devem ser tomados se for realizar a captação em cisternas para consumo humano ou animal”, informou Frederico de Moraes Ruthorff, coordenador de monitoramento e alerta da Defesa Civil.

Segundo o meteorologista da NSC, Leandro Puchalski, a fumaça é mais perceptível ao nascer e fim do dia, pois o sol fica em tons mais aralanjados. Ele também explica como ocorre a chuva contaminada:

“A chuva faz um trabalho de ‘limpeza’ da atmosfera, trazendo tudo que tem nela, como as partículas da fumaça, para a superfície”, explica o meteorologista Leandro Puchalski.

G1 | Foto: Reprodução/NSC TV

Comentários 0


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code