fbpx


‘Ideia é iniciar o pagamento dos salários atrasados no próximo ano’, indica Fátima

1 de outubro de 2020

Em transmissão ao vivo em que anunciou o adiantamento do 13º salário, a governadora Fátima Bezerra destacou que pediu à equipe econômica uma programação para o pagamento das duas folhas salariais remanescentes de 2018. O governo ainda deve o 13º salário e o mês de dezembro. No entanto, esses vencimentos só devem ser quitados em 2021, quase três anos depois.

“Determinei prioridade para trazerem uma proposta de pagamento das duas folhas atrasadas. A ideia é começar o pagamento no início do próximo ano”, enfatizou Fátima Bezerra.

Em comunicado à imprensa, a administração estadual justificou que “recebeu, em janeiro de 2019, quatro folhas salariais e quitou duas delas: novembro de 2018 e o 13º de 2017”. De acordo com a Secretaria de Estado do Planejamento e das Finanças (Seplan), a soma das duas folhas em atraso – dezembro e o décimo terceiro de 2018 – é de aproximadamente R$ 750 milhões.

Comentários 0


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code