fbpx


Ministros de Bolsonaro viram alvo de notícias-crime no Supremo

13 de outubro de 2020

A bancada do PT no Senado entrará com duas notícias-crime no STF pedindo a condenação por crime de responsabilidade de e Tereza Cristina.

A alegação é que os ministros se negaram a responder a requerimentos de informação enviados por senadores do partido.

No primeiro caso, sobre a cocaína em um avião oficial que integrava a comitiva de Bolsonaro à reunião do G-20. No outro, sobre o Incra ter retomado a posse de áreas ocupadas por trabalhadores ligados ao MST em Pernambuco e na Bahia.

Foram enviados em fevereiro. O pedido dos petistas ao STF se baseia no artigo 50 da Constituição, segundo o qual ministros incorrem em crime de responsabilidade se não prestarem informações em 30 dias.

Em junho, o PT solicitou a Davi Alcolumbre, correligionário de Tereza Cristina, que a advocacia da Casa ingressasse com a ação por entender que a recusa em dar esclarecimentos era uma ofensa ao Poder. Nunca obteve resposta de Alcolumbre.

O GLOBO

Comentários 0


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code