fbpx


Menos de 1% dos candidatos concentram 80% dos fundos públicos de campanha

26 de outubro de 2020

A três semanas do primeiro turno das eleições municipais, os fundos eleitoral e partidário têm sido direcionados até agora, em sua maior parte, para uma parcela ínfima dos cerca de 550 mil candidatos a prefeito e vereador, apenas 0,8% do total.

De acordo com dados das prestações de contas parciais das eleições divulgados nesse domingo (25), e compilados pela Folha, pouco mais de 50 mil concorrentes receberam de seus partidos verbas dos dois fundos para bancar suas campanhas.

Apesar disso, 80% do valor total liberado (R$ 646 milhões de R$ 807 milhões) foram para cerca de 4.600 candidaturas, o que representa 0,8% do total de postulantes lançado pelos partidos.

Terminou neste domingo o prazo para que candidatos e legendas entregassem à Justiça Eleitoral a prestação de contas parcial das suas campanhas.

Os recursos repassados deverão crescer até o dia da eleição, marcada para 15 de novembro, mas a priorização de “cavalos premiados” já é fonte de crise dentro das siglas.

Folha de S. Paulo | Foto: José Cruz/Arquivo/Agência Brasil

Comentários 0


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code