fbpx


Blog do Dina: Candidata a vereadora foi presa por oferecer sexo em troca de votos?

10 de novembro de 2020

A menos de uma semana das eleições ainda é possível ver notícias falsas circulando por aí. Uma das recentes história é do caso que uma candidata a vereadora no Maranhão teria se oferecido em troca de votos.

A informação ganhou força em blogs de interior e nas redes sociais. De acordo com o texto, a candidata teria se oferecido para 250 pessoas, entre homens e mulheres. Confira o texto que se espalhou pela internet a fora:

Candidata a vereadora troca voto por s… com mais de 250 pessoas e termina presa. Uma candidata a vereadora da cidade de Presidente Dutra, no Maranhão, foi presa acusada de trocar votos de eleitores por s… A polícia civil já vinha investigando a candidata há um mês após algumas denuncias de pessoas que disseram ter sido assediadas por ela.

De acordo com testemunhas, além de cometer o ato ilícito de obtenção de votos por meio de favores s…, a mulher ainda gravava as suas relações com os eleitores para que servissem como garantia de que os envolvidos realmente fossem votar nela. A polícia estima, após conferir os vídeos salvos na galeria do celular da mulher, que possam ser mais de 250 pessoas envolvidas nesse “negócio”, incluindo homens e mulheres. […]

Mas será que essa situação é real? Vamos conferir!

INFORMAÇÃO FALSA

OS FATOS

1) A “fonte da informação” é de um blog que sempre publica informações falsas, no estilo “bomba”. Do mesmo lugar, saiu a história que um candidato a vereador estaria oferecendo a esposa em troca de votos.

2) Ao procurar sobre o caso, só é possível encontrar apenas o mesmo texto do boato. A história foi criada e copiada sem nenhum outro desdobramento.

3) A foto da suposta vereadora que foi presa não condiz com o caso descrito ou com o Maranhão. Na verdade, a mulher foi presa no RS sob acusação de tráfico de drogas.

FONTE

Boatos.org | Foto: José Cruz/Arquivo/Agência Brasil

Comentários 0


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code