fbpx


Golpe de 1964: novo ministro da Defesa fala em celebrar aniversário ‘no contexto histórico’ – mas qual é este contexto?

31 de março de 2021

“Eventos ocorridos há 57 anos, assim como todo acontecimento histórico, só podem ser compreendidos a partir do contexto da época.” Assim começa a mensagem alusiva ao 31 de março de 1964 assinada pelo novo ministro da Defesa, Walter Souza Braga Netto, que assumiu o posto nesta semana após divergências entre seu antecessor e o presidente Jair Bolsonaro sobre o papel político das Forças Armadas.

Ao longo de pouco mais de 2 mil palavras, Braga Netto cita o cenário geopolítico polarizado na Guerra Fria, que em suas palavras representava uma “ameaça real à paz e à democracia” do país.

Ele afirma que o movimento militar de 1964 que derrubou o governo eleito de João Goulart “é parte da trajetória histórica do Brasil” e “assim devem ser compreendidos e celebrados os acontecimentos daquele 31 de março”.

Veja a reportagem completa na BBC Brasil.

Comentários %


Uma resposta para “Golpe de 1964: novo ministro da Defesa fala em celebrar aniversário ‘no contexto histórico’ – mas qual é este contexto?”

  1. José Rivanilton disse:

    Tem que celebrar mesmo. Não sei o que seria do país hoje se não tivesse ocorrido a intervenção militar naquela época. Infelizmente hoje, as pessoas mais novas foram contaminadas pela ideia da esquerda de que foi ruim. Só foi ruim para vagabundos metidos a guerrilheiros. Na minha família, ninguém foi preso ou sofreu com o regime militar. Era uma ditadura onde o povo votava para escolher seus representantes. Mas, iguais aos eleitores de hoje, nem todos sabiam escolher.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code