fbpx


Veja semelhanças entre os colapsos na pandemia na Índia e no Brasil

3 de maio de 2021

A Índia vem registrando recordes diários de novas infecções e mortes por Covid-19 e já é considerada o epicentro da doença no mundo. O país, que há poucos meses se via “praticamente livre” da doença, tem enfrentado um colapso no sistema de saúde, com falta de oxigênio e cremações em massa.

A situação atual no país asiático com mais de 1,3 bilhão de habitantes se assemelha à encarada pelo Brasil em março deste ano, quando o país mostrava sinais de colapso. A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) chegou a dizer, na época, que era a maior crise sanitária e hospitalar da história brasileira.

Na semana passada, a Índia ultrapassou o Brasil em número diário de mortes por complicações do coronavírus no mundo. A média atual da Índia está em 3,4 mil óbitos a cada 24 horas, segundo projeção da plataforma Our World In Data, ligada à Universidade de Oxford.

Nesta segunda-feira (3), o país registrou mais 3,4 mil mortes e 368 mil casos, elevando o total de vítimas para 218,9 mil e o de infectados, para 19,9 milhões. Com isso, a Índia ultrapassou o México e se tornou o 3º país com mais mortes por Covid do mundo, atrás apenas de Estados Unidos e Brasil.

Ainda em março, quando o Brasil passava por sua pior fase na pandemia com a maior média diária de mortes por Covid-19 do mundo, o governo indiano declarou que por lá ela estava “em fase final”. Enquanto o Brasil começa a ver alguma redução na incidência de casos e mortes, a Índia quebra recordes diários.

G1 | Foto: Danish Siddiqui/Reuters

Comentários 0


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code