fbpx


O absurdo caso da rua abandonada e que seria alternativa de mobilidade na zona Sul de Natal

27 de agosto de 2021

A capacidade de Natal dar as costas para soluções simples de seus problemas cotidianos parece cada vez mais insuperável.

É um paradoxo que define este lugar: Quanto mais simples o problema, mais insuperável se torna.

A mentalidade do atraso rege Natal.

O mais recente exemplo desse mostruário de coisas atrasadas, em cujo inventário há coisas como uma orla urbana deplorável, é um simples rua.

O caso foi revelado ontem no Programa Cidade Alerta, de Salatiel Souza, na TV Tropical (Vídeo baixo).

Chama-se Rua Abaeté o trecho em questão.

Em um mundo menos imperfeito, se a Rua Abaeté não tivesse sido abandonada, ela se integraria ao corredor viário formado a partir das Avenidas das Alagoas (BR-101) até a Avenida Praia de Muriú (Ponta Negra).

Tudo isso contornando o perímetro de Capim Macio, sem navegar por dentro do conjunto.

Mas não estamos num mundo menos imperfeito porque a rua segue abandonada e está atraindo toda sorte de bandido que aterrorizam moradores da região.

Estamos em Natal.

Um lugar onde:

1) O poder público pagou por projetos de ampliação da Roberto Freire que foram descartados.

2) O poder público perdeu dinheiro porque não usou para ampliar a Roberto Freire.

3) A obra empacou no apelo de comerciantes e ambientalistas, que reclamam da invasão do Parque das Dunas para tirar a intervenção do papel.

4) Todo mundo ignora uma alternativa para parte do problema (a Rua Abaeté) e continua se concentrando no que não está dando certo.

Que falta à prefeitura para tomar esse projeto adiante?

O atual chefe do Executivo de Natal tem aí uma oportunidade, para citar um assunto de que ele entende bem, de rivalizar com a governadora Fátima Bezerra.

Pois se dotasse de estrutura a Rua Abaeté, estaria contribuindo para a solução de dois problemas que são do Governo: trânsito na Avenida Engenheiro Roberto Freire e insegurança em área de Capim Macio.

Comentários


2 respostas para “O absurdo caso da rua abandonada e que seria alternativa de mobilidade na zona Sul de Natal”

  1. […] caso foi revelado na semana passada no programa Cidade Alerta, de Salatiel Souza, da TV […]

  2. […] entrevista do Meio-Dia RN, o secretário adjunto de Trânsito da STTU, Walter Pedro, comentou a situação da rua Abaeté, em Capim Macio, Zona Sul de Natal. O blog do BG publicou o caso da rua que existe no papel, mas no local há uma duna tomada pela […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code