fbpx


STTU estuda retomar projeto da Via Norte-Sul para desafogar o trânsito

10 de setembro de 2021

Em entrevista do Meio-Dia RN, o secretário adjunto de Trânsito da STTU, Walter Pedro, comentou a situação da rua Abaeté, em Capim Macio, Zona Sul de Natal. O blog do BG publicou o caso da rua que existe no papel, mas no local há uma duna tomada pela vegetação que serve para consumo de drogas e abrigo de marginais.

De acordo com o secretário, a proposta para desafogar o trânsito da região existe desde 2008. O estudo, do qual o adjunto de Trânsito da STTU participou, seria para criação da Via Norte Sul, da Rota do Sol até a Felizardo Moura – passando pela rua Abaeté, avenida das Alagoas, BR 101 a Saint-Exupéry, parte do prolongamento da Prudente, Conjunto dos Bancários, Cidade Nova, Felipe Camarão e BR 226 –, incluindo corredores com três faixas, sendo uma exclusiva.

“Esta semana eu discuti com a Semurb, com o secretario Thiago Mesquita, que se prontificou de dar todo apoio na parte ambiental e urbanística para integrar de novo esse projeto para cidade do Natal”, disse Walter Pedro, que confirmou que o projeto pode ser resgatado.

O adjunto de Trânsito falou ainda que o projeto teria atenção quanto aos cuidados ambientais por ser uma área de duna, que terá que ser retirada. “Não seria uma via simples, mas um corredor para desafogar o trânsito de Capim Macio e a rua Abaeté está num projeto maior, mais amplo” explicou.

Entenda

A Rua Abaeté deveria ser um cruzamento dividindo duas vias que, hoje, se unificam: as ruas Alterosa e Professora Dirce Coutinho. A Abaeté permitiria que houvesse uma integração entre as avenidas das Alagoas e a Av. Praia de Muriú. Seria uma alternativa ao tráfego do trânsito da Avenida Engenheiro Roberto Freire.

Além disso, moradores da região reclamam que a falta da rua tem proporcionado insegurança e violência, já que a região de matagal que tomou a rua acaba sendo utilizada para abrigar bandidos.

Comentários 0


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code