fbpx


Bolsonaro tenta ampliar influência em tribunais após emplacar Mendonça no STF

16 de dezembro de 2021

O presidente Jair Bolsonaro tem feito movimentos para instalar novos aliados em cargos que lhe permitem blindagem nas cortes superiores. Depois de emplacar no Supremo Tribunal Federal (STF) o ministro “terrivelmente evangélico” André Mendonça, que toma posse nesta quinta-feira, 16, o presidente está de olho nas cadeiras do Superior Tribunal de Justiça (STJ). Sua intenção é ocupar nichos de poder com nomes simpáticos a suas bandeiras políticas.

Bolsonaro afirmou que pretende escolher ministros com perfil do seu eleitorado para o STJ. A Corte tem duas vagas abertas, que serão preenchidas por desembargadores oriundos dos cinco tribunais regionais federais.

O STJ julga casos criminais de autoridades com foro privilegiado, como governadores, e serve como instância superior para recursos negados em tribunais. Foi lá que o senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ), filho do presidente, conseguiu vitórias que invalidaram parte substancial das investigações contra ele no caso das “rachadinhas”.

Veja a matéria completa.

Estadão

Comentários 0


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code