fbpx


Gabriel Boric derrota José Antonio Kast e é eleito presidente do Chile

20 de dezembro de 2021

O deputado e ex-líder estudantil Gabriel Boric, de esquerda, ganhou o segundo turno das eleições presidenciais do Chile neste domingo (19), segundo o Serviço Eleitoral do país. Seu adversário, o advogado José Antonio Kast, de extrema-direita, fez uma publicação no Twitter em que reconheceu a vitória do representante da aliança Apruebo Dignidad (Eu aprovo a dignidade, em tradução).

Em sua conta no Twitter, Kast, da aliança Fronte Social-Cristão, escreveu: “Acabei de falar com Gabriel Boric e parabenizá-lo pela grande vitória. A partir de hoje é o Presidente eleito do Chile e merece todo o nosso respeito e colaboração construtiva. Chile em primeiro lugar”.

Por volta das 20h21, Boric tinha 55,86% dos votos válidos, enquanto Kast tinha 44,14%, com 99,47% das urnas apuradas. O candidato de esquerda terá um mandato de quatro anos, a partir de 2022.

Somando votos nulos (0,84%) e em branco (0,29%), 8.347 milhões de chilenos votaram, número superior aos cerca de 7 milhões no primeiro turno. Ao todo, 15 milhões de pessoas poderiam participar do pleito. O voto no Chile não é obrigatório.

Boric, um jovem de 35 anos, fez uma publicação no Instagram após a vitória. “Somos unidade. Somos esperança. Somos mais quando estamos juntos. Seguimos!”, disse.

O resultado é uma reversão do primeiro turno, em 21 de novembro, quando Kast ficou em primeiro lugar com 27,91% dos votos, e Boric em segundo, com 25,82%. O vitorioso precisa ter mais de 50% dos votos válidos.

O novo presidente eleito sucederá Sebastian Piñera, de direita, que encerrará um mandato marcado por uma série de protestos em 2019, alimentados pela insatisfação com a desigualdade econômica no país, e pela pandemia de Covid-19.

CNN Brasil

Comentários 0


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code