fbpx


Ex-policial militar e PM suspeitos de triplo homicídio em Natal são soltos após decisão judicial

16 de setembro de 2022

O ex-policial militar Wendel Fagner Cortez de Almeida, de 45 anos, foi solto na tarde desta quinta-feira (15) após a decisão do juiz José Armando P. Júnior, da 2ª Vara Criminal de Natal, revogar a ordem de prisão temporária do suspeito e indeferir o pedido de prisão preventiva feita pelo Ministério Público do RN (veja trechos da decisão judicial mais abaixo).

Wendel estava preso desde o dia 20 de julho suspeito de ser um dos autores de um triplo homicídio que aconteceu na Zona Norte de Natal no mês de abril. Além dele, foi determinada a soltura de um sargento da PM que também estava preso pelo crime e a revogação do mandado de prisão para outro ex-policial militar, que estava foragido.

Segundo a decisão do juiz, o MP não apresentou provas nos autos de que o crime tenha relação com um susposto grupo de extermínio, o que seria o fundamento mais forte para o pedido de prisão preventiva, devido a uma possível periculosidade do suspeitos e uma probabilidade de reiteração criminosa.

Solto na tarde desta quinta, o ex-PM Wendel Fagner é candidato a deputado estadual no Rio Grande do Norte usando a alcunha de Wendel Lagartixa. Mesmo preso à época, ele teve a candidatura deferida pela Justiça Eleitoral no último dia 12 de setembro. Ele foi confirmado como candidato pelo Partido Liberal, mesma legenda do presidente Jair Bolsonaro.

Veja a matéria completa.

g1 RN

Comentários 0


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

code