Aqui estão os locais de Natal onde mais se pega motorista bebendo e dirigindo

As ruas Raimundo Chaves e São José, em Natal, e Campo da Paz, em Parnamirim, são proporcionalmente os locais que mais pegaram motoristas combinando bebida e direção em 2018.

Nelas, 28% de todos os motoristas parados em blitz da Lei Seca estavam em situação irregular.

Raimundo Chaves e São José tiveram duas blitzen em 2018. A Campo da Paz, que é um dos acessos pelos quais se chega à BR-101 por Cajupiranga, teve uma.

Em números absolutos, as Roberto Freire (383), Aryton Senna (370), Rua Araxá (249) e Prudente de Morais (234) lideram.

Mas, proporcionalmente, nas avenidas, o número não chega a 8% do total de motoristas que foram paradas nas blitzen. Já na rua Araxá, o número representa 12% dos motoristas parados.

Os dados são do Detran, referentes ao ano 2018.

No total, foram 111 ações das Operações da Lei Seca, abordando 34.349 condutores. Desses, 3.052, ou 8,89%, tinham combinado direção e substância que altera a mente ou o humor.

Negócio da China: presidente do Telegram diz que ataque partiu de endereços virtuais chineses

Segundo o presidente-executivo do Telegram, Pavel Durov, o serviço de mensagens sofreu um ataque cibernético enorme e apontou a China como seu provável país de origem

O serviço foi atingido por um “poderoso ataque DDoS” originado de endereços IP principalmente na China, disse Durov na quarta-feira (12).

O ataque coincidiu com protestos em Hong Kong, acrescentou ele.

Os ataques Distribuídos de Negação de Serviço (DDoS) envolvem o envio de um grande número de solicitações em um ataque direcionado, o que causa interrupções parciais ou completas do serviço.

A Administração do Ciberespaço da China (CAC), que supervisiona a política cibernética do país, não respondeu imediatamente a um pedido de comentários.

Outro lado: Universal rebate acusações e diz que processos são exceções

A Igreja Universal do Reino de Deus negou as acusações de seus ex-pastores na Justiça do Trabalho, afirmou que os processos são exceção e que tem obtido vitórias na maioria das ações movidas pelos religiosos.

A igreja disse que “a acusação de imposição de vasectomia é facilmente desmentida pelo fato de que muitos bispos e pastores […], em todos os níveis de hierarquia da igreja, têm filhos”.

A instituição afirmou que “estimula o planejamento familiar, debatido de forma responsável por cada casal. Como, aliás, está previsto em nossa Constituição Federal”.

Sobre as afirmações de ex-pastores de que há penalidade ou coação a quem se recusa a se esterilizar, a igreja disse que “se trata de uma mentira”.

A igreja enviou à Folha 13 sentenças e acórdãos —decisões de primeira e segunda instâncias— emitidos desde 2018 que são favoráveis à Universal. São todas decisões da Justiça do Trabalho.

A maioria —nove delas— é formada por decisões do TRT-2 (Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo), mesmo órgão que condenou a igreja, em abril deste ano, a pagar R$ 115 mil de indenização a Clarindo de Oliveira, 44.

A Igreja Universal também negou as acusações dos ex-pastores de que eram coagidos a bater metas de arrecadação financeira.

“É mentira que a Universal estabeleça ‘metas para arrecadação’, pois será sempre impossível saber quantas pessoas comparecerão aos cultos, ou [nem] sequer o valor das ofertas que serão entregues, uma vez que a doação é voluntária e praticada apenas por quem segue os ensinamentos da Bíblia”, afirmou.

A igreja também refutou a ação civil pública movida pelo MPT (Ministério Público do Trabalho) no Rio de Janeiro.

A Procuradoria pede que seja reconhecido o vínculo de trabalho de todos os pastores da Universal e indenização de R$ 100 milhões para reparar danos causados por supostas esterilizações forçadas.

Pastores relatam pressões para bater metas econômicas dentro da igreja; procuradoria pede indenização coletiva de R$ 100 milhões

Nas ações que movem contra a Igreja Universal por serem obrigados a se submeter a vasectomia, pastores ainda relataram que precisavam bater metas econômicas fixadas pela igreja.

Segundo relataram em diversos processos da Justiça do Trabalho espalhados pelo Brasil, caso não batessem as metas, eles sofriam punições. As informações são de reportagem do jornal Folha de S.Paulo deste domingo.

“Você era retirado da sua igreja e mandado para outra, tinha salário rebaixado, era colocado em uma casa pior.”, relatou o ex-pastor ex-pastor Clarindo de Oliveira, 44, que, em seus últimos tempos como religioso da Universal, teve a renda reduzida de R$ 4.000 para R$ 2.000.

Nem todas as ações listadas no processo acusam a Universal de ter obrigado os pastores a passar por esterilização, mas a Procuradoria entende que há provas suficientes para pedir uma indenização coletiva à igreja. O valor total reivindicado é de R$ 100 milhões.

Justiça condena Igreja Universal por esterilização de pastores

A Igreja Universal do Reino de Deus responde a ações judiciais movidas por ex-pastores que afirmam ter sido forçados ou pressionados pela instituição religiosa a fazer vasectomia.

Sucessivas decisões têm sido tomadas reconhecendo o direito dos pastores. As informações são de reportagem especial deste domingo do jornal Folha de S.Paulo.

A prática, segundo eles contam, garante o ingresso, a permanência ou a ascensão nos quadros da igreja.

As alegações e os relatos dos religiosos são similares. Eles apontam a esterilização como uma espécie de política de recursos humanos.

Sem filhos, os ex-pastores dizem que teriam mais disponibilidade para mudar de cidade a mando da igreja, uma vez que a instituição custeia a família dos religiosos.

A Universal nega que imponha a vasectomia, diz que saiu vencedora de processos ajuizados contra a igreja e afirma que estimula o planejamento familiar dos casais.

O inesperado regresso do Tamagotchi, bichinho virtual que era febre nos anos 90

Quem já precisou traficar um Tamagotchi dentro da bolsa para usar na escola, onde eram proibidos, sabe a emoção que é cuidar do primeiro bichinho virtual que marcou a geração millenial.

E agora ele está voltando, na onda do retorno de brinquedos clássicos dos anos 1990. A fábrica japonesa Bandai relançou o Tamagotchi no Japão em 2017 e neste ano, em julho, ele será relançado também na América do Norte.

Ainda não há previsão de lançamento do brinquedo no Brasil.

No novo modelo do brinquedo, o bichinho faz mais do que comer, dormir, apitar e morrer.

A Bandai diz que o Tamagotchi “evoluiu” para ter mais personalidade, além de “viver” em diferentes habitats e se reproduzir.

“Os fãs do brinquedo já estão muito empolgados e fizeram encomendas antecipadas”, diz Tara Badie, diretora de marketing da Bandai América.

Para as marcas, apostar na nostalgia não é algo novo. É um elemento de uma estratégia de marketing mais ampla que visa conquistar os consumidores através do escapismo.

“Especialmente voltar para as memórias idealizadas da infância”, diz Asia Benoit Wiesser, diz diretor de estratégia de mercado da agência de publicidade Ogilvy.

Com informações do G1

TV Globo derruba programação e transmite tragédia que terminou na morte de Gabriel Diniz

O que era um flash virou cobertura especial.

Sandra Anenberg já vai em mais de uma hora comandando uma edição especial do JH, com informações em tempo real da tragédia que terminou na morte, aos 28 anos, do cantor Gabriel Diniz.

A aeronave em que ele estava caiu nesta segunda-feira em Estância (SE). Além dele, morreram piloto e copiloto.

Crianças são expostas em shopping para ‘desfile’ de adoção em evento da OAB

Um evento chamado “Adoção na Passarela” recebeu diversas críticas nas redes sociais, isso porque, a Associação Mato-grossense de Pesquisa e Apoio à Adoção (AMPARA), em parceria com a Comissão de Infância e Juventude (CIJ) da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Mato Grosso (OAB-MT), realizou na terça-feira (21) um desfile com crianças e adolescentes de 4 a 17 anos que estão aptas para adoção.

De acordo com a associação, o objetivo do evento é dar visibilidade a crianças e adolescentes que estão aptas para adoção.

O caso aconteceu em shopping de Cuiabá.

“Será uma noite para os pretendentes – pessoas que estão aptas a adotar – poderem conhecer as crianças, a população em geral poderá ter mais informações sobre adoção e as crianças em si terão um dia diferenciado em que elas irão se produzir, cabelo, roupa e maquiagem para o desfile.

A notícia viralizou nas redes sociais, sendo compartilhada junto de diversas críticas.

“Sou adotado, mas tive a sorte de ser adotado aos cinco dias de vida. Fico imaginando se tivesse que passar por isso. Desfilar que nem uma mercadoria pra ver se agrado e encontro uma família pra mim. O Brasil definitivamente não é para amadores. Eu já perdi literalmente qualquer esperança daqui”, escreveu um internauta.

Foto de 2016 contra o impeachment de Dilma em Natal foi uma das mais usadas na rede de desinformação contra os protestos por educação

A Agência Aos Fatos elaborou material explicando como a desinformação foi usada para desqualificar os protestos pela educação na semana passada.

A estratégia consistiu em vincular o movimento a atos orquestrados pelo PT.

Uma das fotos mais compartilhadas foi de 2016, em Natal. Ela foi compartilhada como se fosse do protesto da semana passada 1.400 vezes no Facebook.

De acordo com o jornal Tribuna do Norte, o protesto pró-Dilma realizado há três anos reuniu cerca de 17 mil pessoas, de acordo com estimativas da Secretaria de Segurança.

Vamos ajudar? Natalense liga em programa nacional e diz que está atrás de mais um homem para menage-á-trois com sua mulher

Era quarta-feira (15). Fim de tarde.

Sintonizei no Missão Impossível, da Jovem Pan, o programa que a Lígia Mendes e Bob Fernandes tocam que é verdadeira prestação de serviço.

Tinha um natalense na linha. Ao vivo, quando sintonizei.

Se disse Maciel.

Casado há 11 onze anos.

Está à procura de alguém legal para sair a três com sua mulher.

Lígia, sensível que é, começou derrubando mitos.

Explicou que não tem nada a ver com julgamentos e tal, como tendem a pensar as pessoas que adoram viver a vida alheia.

Maciel disse que busca esse contato até como forma de aprofundar sua relação com a mulher.

É um home de coragem.

Muitos morrem na hipocrisia do desejo reprimido.

Maciel deixou contato de email para eventuais candidatos: joseenaracasal@gmail.com.

Vamos ajudar?