Pesquisa inédita mostra Natal como terceiro destino do Brasil nas férias de meio de ano

Pesquisa inédita realizada pelo Ministério do Turismo revela os 10 destinos mais procurados em viagens nacionais nos meses de junho e julho deste ano. A sondagem foi realizada com 2 mil agências de viagens do país.

Além disso, o estudo traz a perspectiva das empresas em relação ao desempenho, faturamento, demanda de serviços e geração de empregos de maio a outubro de 2019.

Fortaleza (CE), Maceió (AL), Natal (RN), Gramado (RS), Rio de Janeiro (RJ), Porto Seguro (BA), Ipojuca (PE), São Paulo (SP), Salvador (BA) e Campos do Jordão (SP) estão nas 10 primeiras posições, respectivamente, entre as cidades que foram mais procuradas pelos turistas nacionais para as férias de junho e julho.

Eólica anuncia investimento de R$ 2,4 bilhões em parque eólico no RN

A Casa dos Ventos, que desenvolve projetos de energia, anunciou nesta terça-feira (18) investimentos de R$ 2,4 bilhões para instalar um parque eólico no Rio Grande do Norte, o Rio dos Ventos.

O projeto, que deve iniciar sua operação em no segundo semestre de 2021, terá potência instalada de 450 MW, e será equipado por 106 turbinas eólicas da fabricante Vestas. O valor do contrato não foi divulgado.

O empreendimento prevê uma eventual expansão da capacidade de geração de energia. Poderá chegar a 950 MW. 

Atenção, natalenses aflitos: companhia aérea de baixo custo ganha autorização para operar no Brasil

O avanço da Medida Provisória que abre o mercado brasileiro para aéreas estrangeiras já tem uma efeitos práticos.

A Air Europa ganhou autorização da ANAC para fazer voos domésticos no Brasil.

Atualmente, aéreas estrangeiras só podem fazer rotas internacionais.

A Air Europa é espanhola e opera em rotas entre Recife e Madrid, bem como Salvador e a capital espanhola.

Com a autorização, ela poderá fazer vôos domésticos no Brasil.

E ela é de baixo custo, ou seja, aquelas companhias onde você só compra o assento e todo o resto do preço da passagem fica fixado se você quiser mais serviços, como escolher a cadeira, serviço de bordo ou embarcar primeiro.

Uma estimativa superficial, por exemplo, feita ao Blog do Dina por quem entende do riscado, fixa que a passagem entre Natal e São Paulo, por exemplo, poderia ser comprada a qualquer hora, em qualquer dia, na faixa de R$ 300,00.

Trade turístico e governo negociam voos de Natal para principais aeroportos do Brasil

O trade turístico do Rio Grande do Norte se anima diante de duas perspectivas que desenham um horizonte de melhoras para o setor.

O primeiro é abertura do mercado para aéreas estrangeiras. O segundo é a rodada de negociação com companhias para ofertar mais voos para o RN a partir da redução do querosene de aviação.

“Nossa maior indústria, a do turismo, poderia estar numa situação muito boa, mas continuamos num momento de profunda recessão”, analisou Abdon Gosson, presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens do RN (Abav).

Nesta terça-feira (28), o Blog do Dina repercute matéria do Datafolha que revela como a família paulista de classes A e B prefere voar para o Nordeste. No caso do RN, há as dificuldades com oferta de voos.

Na negociação aberta, com empresários e governo, Gosson explica que estão sendo pedidos voos entre Natal e Guarulhos, Congonhas e Belo Horizonte.

“Essa é uma das armas, mas a gente já está chegando atrasado nessa disputa do querosene de aviação, enquanto Pernambuco, Ceará e Paraíba já estão muito na frente com alíquotas reduzidas”, explica o presidente da ABAV.

No Rio Grande do Norte, o imposto sobre o QAV é de 12%.

A intenção é que essa alíquota possa ser reduzida até zero dependendo da contrapartida da companhia aérea na oferta de voos e preços de passagens para Natal.

Natal é destaque entre destinos oferecidos para família fica paulista; problema é a oferta e preço de passagens

 

No levantamento do instituto Datafolha sobre a preferência da família paulista de classe média alta, Natal é um dos destaques dado pela Folha de S.Paulo.

O instituto mediu que o Nordeste é o destino preferido dos paulistas que viajam em família das classes A e B.

O material sugere sete destinos com pacotes completos.

Três são do Rio Grande do Norte: dois em Natal e um na Pipa.

A falta de oferta de voos mais o alto preço de passagens é um obstáculo que precisa ser vencido.

Querem ver?

Neste ano, o Pan Rotas levantou a demanda por viagens durante o feriado de Semana Santa. A busca por Natal caiu 14% com relação ao mesmo período do ano passado.

Nordeste vence Disney e é destino preferido para família de classe média alta de São Paulo, diz Datafolha; 

O instituto Datafolha preparou uma pesquisa para o caderno Viaja, da Folha de S.Paulo, e mapeou a preferência da família rica paulista (classe A e B)

Descobriu que ela prefere viajar para o Nordeste.

Por ordem de preferência: Nordeste num geral (6%), Disney (5%) e Bahia (5%)

O destaque, como se vê, é a beleza baiana.

Me dá aquela estrofe de Carmen Miranda: o que é que a baiana tem?

Além de uma costa com 1.100 km, o estado tem opções no interior – vide a chapada Diamantina – e investe nisso.

Como as intervenções de revitalização de Salvador, que renderam à capital a inclusão na aguardada lista publicada pelo jornal The New York Times como lugares a se conhecer em 2019.

Foi a única cidade brasileira na lista dos 100 destinos.

Cresce número de servidores públicos que atuam no RN; comissionados lideram

O Rio Grande do Norte tem 850 mil pessoas empregadas, conforme a PNAD Contínua divulgada pelo IBGE nesta quarta-feira (22).

Eles estão subdivididos em setor privado (544 mil), trabalhador doméstico (81 mil) e setor público (225 mil).

Os servidores públicos foram os únicos que variaram positivamente. Eram 218 mil no primeiro trimestre do ano passado, e agora são 225 mil.

Os números consideram os servidores de todos os níveis (municipal, estadual e federal)

Os servidores celetistas (com carteira assinada) caíram de 14 mil para 10 mil entre 2018 e 2019. Os estatutários se mantiveram em 154 mil.

Já os comissionados cresceram de 51 mil para 61 mil.

51 mil pessoas começaram a trabalhar por conta própria no último ano no RN; taxa de desocupação cai, mas ainda é alta

 

A taxa de desocupação no Rio Grande do Norte recuou de 14,9% no primeiro trimestre de 2018 para 13,8% no mesmo período deste ano.

A média é 12º do país. No Brasil, o índice é de 12,7%

Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua.

O recorte divulgado nesta quarta-feira (22) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE) considera os dados em análises trimestrais.

Os números mostram uma tendência de migração. O setor privado no primeiro trimestre do ano passado tinha 550 mil empregados no RN. Agora eles são 544 mil

Por outro lado, o número de pessoas que estão trabalhando por conta própria passou de 321 mil para 372 mil.

Como seria para você se a maior autoridade mundial de sua área lhe convidasse para uma imersão? A potiguar Cuidare foi saber

Weesp é um município dos Países Baixos onde está aninhado um vilarejo bastante incomum. 

Hogeweyk (pronuncia-se ôrkveigh) é o nome da vila projetada especialmente para o cuidado de idosos com demência — especialmente demências degenerativas como o Alzheimer.

O lugar é realmente fantástico e já foi comparado com o filme “O Show de Truman“, porque por lá estão médicos, enfermeiros e especialistas trabalhando para cuidar dos residentes.

Durante seis dias, o vilarejo vai ser imersão para um grupo seleto de brasileiros que lidam com o assunto.

Entre os convidados, a potiguar Cuidare, representada pelo seu diretor, Etevaldo Miranda.

“Serão palestras e visitas a organizações diferentes e um encontro com os representantes do Ministério da Saúde Holandês. O grupo de brasileiros é formado basicamente por autoridades médicas no assunto”, explicou Miranda.

Com 58 unidades e presente em 21 estados, a Cuidare se tornou autoridade no cuidado com idosos no Brasil. Miranda garante que os dias de imersão vão servir para aprimorar ainda mais o trabalho de excelência da franquia.

 

 
 
 
 
 
Visualizar esta foto no Instagram.
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

Com muito orgulho farei parte do 1º grupo oficial de brasileiros para conhecer o #Hogeweyk – A maior referência mundial em Lar Geriátrico, localizado em Utrecht / Holanda, conhecido em Português como Vila Demência. Acompanharei um grupo de 12 médicos e geriatras de todo o Brasil, levado pela renomada organização francesa #DialogHealth, onde participaremos de palestras, visitaremos 3 organizações e teremos um encontro com representantes do Ministério da Saúde Holandês. Espero adquirir mais know-how para a Franquia @cuidarebrasil e para a @cuidarenatal, assim como aumentar o nosso networking. A busca pelo conhecimento tem quer ser sempre! Vá em nosso Site e conheça mais sobre o Vila Demência! 👇🏻 http://cuidarebr.com.br/hogeweyk-a-vila-perfeita-para-idosos-com-alzheimer/

Uma publicação compartilhada por Miranda Jr. Etevaldo (@emirandajr) em

 

Com informações do Awebic

Aqui está a gasolina mais barata e a mais cara por região de Natal; metade dos postos da zona Sul pratica preço máximo

 

O Procon Natal divulgou nesta terça-feira (7) um levantamento realizado em 70 postos nas quatro regiões administrativas de Natal com o preço de combustíveis.

O Blog do Dina verificou a lista com os 70 nomes e organizou por preço por cada região.

O preço da gasolina comum em Natal chega a variar R$ 0,37 por litro, o mínimo é R$ 4,62 e o máximo R$ 4,99.

Destaque para a zona Sul, onde 11 dos 22 postos fixaram a gasolina a R$ 4,99.

Zona Leste – 20 postos

Os mais baratos

R$ 4,64

Posto Macalo – Avenida Bernardo Vieira, 1906 Dix-Sept Rosado

Posto Jota Flor II – Av. Coronel Estevam, 2044 – Alecrim.

Os mais caros

R$ 4,99

Posto São Luiz IV – Avenida Prudente de Morais 1308 – Tirol

Posto Cirne, Prudente de Morais, 1089 – Tirol

Posto Cirne, Av Hermes da Fonseca, 857 – Tirol

Posto do Doutor, Avenida Floriano Peixoto, 457 – Petrópolis

Posto São Pedro, Rua Apodi, 520 – Tirol

Posto Via Costeira – Via Costeira, s/nº – Mãe Luíza


Zona Oeste – 11 postos

Mais barato

R$ 4,62

Nosso Posto, Av Rio Grande do Sul, 149 – Cidade da Esperança

Posto Dunas, Rua Solange Nunes, 20 – Cidade Nova

Mais caro

R$ 4,96

Posto Felipe Camarão, Rua Ranieri Mazili, 4330 – Felipe Camarão


Zona Norte – 16 postos

Mais baratos

R$ 4,62

Posto Nova Natal – Rua Bela Vista, 1001 – Lagoa Azul

Posto Vale Dourado, Avenida Das Fronteiras, s/n – Santarém

Mais caros

R$ 4,99

Posto Praia da Redinha. Avenida João Medeiros Filho, 6181 – Pajuçara


Zona Sul – 22 postos

Mais baratos

R$ 4,85

Auto Posto Pitimbu – Rua Monterey, 425, Planalto (que é zona Oeste, mas aparece na zona Sul, nesta lista).

R$ 4,89

Posto Jacutinga, Avenida Engenheiro Roberto Freire, 753 – Capim Macio

Posto Olinda, Avenida Engenheiro Roberto Freire, 1810 – Capim Macio

Mais caros

R$ 4,99

São onze postos, ou seja, metade dos 22 pesquisados.

São eles, por bairro:

Lagoa Nova

Posto Rui Barbosa

 

Candelária

Posto Candelária

Posto Integração

Posto Madre Teresa

Posto São Luiz III

Neópolis

Posto Jiqui

Posto Novo Horizonte

Ponta Negra

Ecoposto Amigão

Capim Macio

Posto Amigo

Posto Natal HSI

Alagamar

Posto Rota do Sol