Caso Marielle: porteiro mentiu sobre ida de suspeito a casa de Bolsonaro

A procuradora do Ministério Público Simone Sibilio, chefe do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (GAECO), confirmou que o porteiro que envolveu o nome do presidente Jair Bolsonaro na morte da vereadora Marielle Franco mentiu em depoimento à Polícia Civil. De acordo com Simone, quem autoriza a entrada de Élcio Queiroz no condomínio do presidente é Ronnie Lessa, suspeito de ter feito os disparos.

Mais cedo, um investigador relatou a suspeita da mentira à VEJA. Foram prestados dois depoimentos. No primeiro, relatou que ligou para casa de Bolsonaro. No segundo, confrontado com o áudio de sua conversa, manteve a versão, mas deixou dúvidas nos investigações em relação a veracidade das informações prestadas.

Como uma rede de intrigas levou o MP a apurar se filha do comandante-geral da PM foi beneficiada no concurso da PM; em entrevista, ele nega

Proedi: Derrota para os prefeitos

No Justiça Potiguar

O desembargador Saraiva Sobrinho, do Tribunal de Justiça do RN, julgou improcedente o pedido de liminar impetrado por um grupo de municípios potiguares que queriam a inconstitucionalidade do Programa de Estímulo ao Desenvolvimento Industrial do Rio Grande do Norte (PROEDI), criado em julho por decreto da governadora Fátima Bezerra.

Em sua decisão, o desembargador utilizou jurisprudência em casos semelhantes, inclusive do Supremo Tribunal Federal, afirmando que o pedido era improcedente e não afetaria a destruição de impostos entre os entes federados e não iria de encontro ao que preconiza a Constituição Federal.

A ação foi movida pelos municípios de Nova Cruz, Tenente Ananias, Bodó, São Bento do Norte, Canguaretama, Santo Antônio, Serrinha, Lagoa Danta, Bento Fernandes, Taipu, São Pedro, Caiçara do Norte e Patu.

Ainda tramita no Judiciário uma outra ação movida pelo Município de Natal e relatada pela Desembargadora Maria Zeneide, pede a suspensão do PROEDI e seus efeitos, por liminar, para que sejam feitos os repasses do ICMS integralmente ao Município, sem aplicar o benefício às indústrias.

Caso o PROEDI venha a ser derrubado na esfera judicial, o Rio Grande do Norte não poderá conceder benefícios fiscais para atração de investimentos.

A cidade do RN que virou alerta nacional pelo risco de proliferar doença que causa paralisia infantil

Cem municípios brasileiros estão com cobertura contra a pólio abaixo de 50% – o ideal é acima de 95%.

Nenhum caso é tão preocupante quanto o de Lagoa Salgada.

No município potiguar, 0,92% do público-alvo foi vacinado.

Por extenso, zero vírgula noventa e dois por cento.

Poliomielite é a doença que resulta em paralisia infantil. É provocada por vírus.

Altamente contagiosa.

Todas as crianças com menos de cinco anos devem ser vacinadas.

Consultoria britânica coloca UFRN entre as mais prestigiadas da América Latina

A consultoria britânica Quacquarelli Symonds (QS) elaborou ranking com as universidades mais prestigiadas da América Latina.

Vinte e cinco universidades brasileiras conseguiram entrar para a lista.

Entre elas a UFRN, em 22º lugar entre as brasileiras e na posição 81 no ranking geral.

MPRN é um dos que mais combatem corrupção no Brasil, aponta levantamento

Caixa pede que Justiça decrete falência da Odebrecht

A Caixa Econômica Federal pediu ontem a falência do conglomerado Odebrecht. Pelo pedido feito à Justiça, a Caixa quer que a Justiça permita aos credores nomear novos administradores para o conglomerado e suas subsidiárias em uma assembleia. A informação, inicialmente divulgada pela agência Reuters, foi confirmada pelo Estado.

Fontes ligadas ao caso lembram que, em processos de recuperação judicial, é comum que credores peçam a falência. Segundo um especialista no tema, um pedido de falência durante esse tipo de processo só avança se for de um credor novo, posterior à proteção judicial.

Entre 2015 e 2018, durante a gestão do ex-governador Robinson Faria, analisa o Banco Mundial, o estado conseguiu reduzir em 3,2% ao ano o custo da folha de ativos. Por outro lado, igual taxa foi concedida na forma de aumento salarial para quem estava em atividade

Com dívida de cerca de R$ 100 bilhões, a Odebrecht pediu recuperação judicial em junho, após forte pressão da Caixa. A Atvos – empresa de açúcar e álcool da Odebrecht – havia tomado o mesmo caminho no mês anterior. O banco iniciou uma campanha para executar as garantias das dívidas do grupo.

O objetivo da Caixa era conseguir ações da petroquímica Braskem para reduzir sua exposição ao grupo. Entre todos os bancos credores, lista que também inclui Itaú, Bradesco e Banco do Brasil, apenas Caixa e o Votorantim não tinham seus créditos cobertos por ações da petroquímica. A exposição da Caixa na Odebrecht é da ordem de R$ 2,2 bilhões.

Rio Grande do Norte é um dos dois estados fora de mapa com cidades sustentáveis no Brasil

O Instituto Vedacit, em parceria com o Quintessa, lança com exclusividade o Mapa Cidades Sustentáveis, o primeiro a ser realizado no país.

Foram avaliadas mais de 4.500 organizações e 681 preencheram os requisitos para serem reconhecidas no mapa.

O objetivo do Mapa é dar visibilidade ao trabalho das organizações e reunir em uma só plataforma todas as iniciativas do país que sigam a temática de cidades sustentáveis, atuando como um direcionador de investimento e facilitando a avaliação dos eixos mais trabalhados dentro desta temática.

Todos os estados estão representados no Mapa, com exceção do Rio Grande do Norte e do Piauí.

Grife de surf vai construir condomínio no RN com filosofia ‘a vida com jeito de férias’

Marco Aurélio Raymundo (foto), gaúcho fundador da Mormaii, vai atacar no setor imobiliário.

Ele fechou com a construtora Real Urbanismo para licenciar o Île Mormaii – projeto de condomínios residenciais que promete transformar o jeito de viver e morar.

O empreendimento vai seguir a filosofia de vida de Morongo, que busca desfrutar da liberdade e da natureza.

Com o lema “A vida com jeito de férias”, os condomínios
devem ser construídos nos Estados do Rio Grande do Norte, Bahia, Ceará, Santa Catarina e Mato Grosso do Sul.

Maior problema do RN não mobiliza protestos no cruzamento do Midway

Metade da população do Rio Grande do Norte, ou 1,7 milhão de pessoas, vive com 289 reais por mês, 69% abaixo da média nacional.

Os dados são do IBGE.

São números desoladores e que, pior, atingiram seu pior patamar.

Nunca antes estivemos tão desiguais.

É o mais grave problema de nosso estado.

De nosso país.

Mas não mobiliza protestos no cruzamento do Midway Mall.

Nem na Avenida Paulista.

Não houve, até o momento, nenhum governante preocupado em promover políticas de crescimento pessoal do indivíduo.

Mas e o Bolsa Família, Dinarte?

É programa assistencial, não política complexa que contemple o desenvolvimento do indivíduo em toda sua plenitude.

Ninguém está preocupado em resolver o pior problema que assola o Brasil.

Que solapa o RN.

Bolsonaro nomeia filho de Geraldo Melo no comando do Incra após crise no órgão

O economista ligado ao agronegócio Geraldo Melo Filho será o novo presidente do Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária), substituindo um general que foi demitido do comando do órgão pelo presidente Jair Bolsonaro devido a um embate sobre a regularização fundiária.

Filho era secretário-adjunto de Relacionamento Externo da Casa Civil.

COMENTÁRIO EM VÍDEO | Mimizentos passaram do ponto ao quererem passar cantada por crime sexual

Este potiguar se livrou de condenação porque a PF não tinha mandado quando entrou na sua casa e apreendeu droga

O autônomo Naibson Mucio da Silva foi condenado pelo juiz federal Walter Nunes porque, em abordagem da PF, foi apanhado em flagrante com seis cédulas falsas de R$ 50,00 e ainda uma arma da qual ele não possuía o porte.

A PF decidiu, na ocasião, saber onde ele morava. E foi à sua casa, no bairro do Bom Pastor, zona Oeste de Natal.

Lá chegando, se deparou com munições e drogas.

O homem foi condenado pelas moedas falsas.

E as drogas e munições?

Eis trecho da decisão do juiz:

“Não é válida [a busca e apreensão], se não existir comprovação efetiva de que fora conferida a autorização para a realização da diligência, o que contamina a prova assim obtida, impondo-se a absolvição pelos crimes de posse de munição e de substância entorpecente”, escreveu o magistrado”.

Semurb define quando apresentará triagem das 2,4 mil propostas para revisão do plano diretor

A Secretaria de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) trabalhará para que até o dia 11 de novembro entregue a triagem das 2,4 mil propostas que foram elaboradas nas discussões do plano diretor.

Elas foram apresentadas em oficinas nas quatro regiões administrativas da cidade.

A Semurb precisará agora excluir assuntos que não dizem respeito à revisão do plano, como as propostas que falam exclusivamente sobre saneamento.

A partir daí, será convocada audiência pública para apresentação do conteúdo e debate, última fase antes da elaboração do projeto que vai ser encaminhado para a Câmara Municipal de Vereadores.

VÍDEO | Toffoli e Barroso trocam farpas e dão o tom de como será julgamento sobre prisão em segunda instância

O presidente do STF, Dias Toffoli, e o ministro Roberto Barroso protagonizaram um entrevero que antecipa o tom do julgamento sobre prisão em segunda instância, que se inicia nesta quinta no Supremo Tribunal Federal.

Toffoli defende a revisão do atual entendimento por razões que passam ao largo de questões republicanas. 

Barroso é aquele ministro que gosta de ficar bem na foto e é contra. Caso as redes sociais acordem amanhã defendendo o fim da prisão em segunda instância, ele mudará de posicionamento.

Assim, se deu o embate embaixo: